sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Estrela e Poesia...



Tem as estrelas da manhã
alinhadas em circulo
como um farol de aviso
aos navegantes
incautos e perdidos
que me habitam ...
.
Se eu pudesse
mascarava-me de lua nova
(que se esconde nas tramas
nebulosas
do meu sentir)
e escarnecia das sombras
fantásticas
que me desafiam
com versos...

Maria Flor!

Um comentário:

Márcia disse...

DIVINO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Fantástico!!!!!
Vc é realmente maravilhoso com as palavras, é um abenção, continue sempre assim...
Parabéns!!!!
beijossssssssssss
Márcia Arantes