domingo, 3 de maio de 2009

"Opção"



Caminhamos nesta vida
Por estradas
De ladeiras e subidas,
Com diversas encruzilhadas.
E às vezes nos deparamos
Com becos sem saídas
Se acabando quase em nada.

Todos nós somos iguais
Temos as mesmas reações
Nas nossas conquistas,
E também nas decepções.

Nossos pensamentos
Tanto faz...
Sonhamos os mesmos sonhos
E sentimos os mesmos sentimentos
De raiva, de amor e de paz.

A vida só tem duas opções
A ser seguida
O BEM e o mal,
E o resto são invenções
De quem não tem senso de vida.

Se optamos pelo BEM,
Por que não colocar em prática
Usando a tática para evitar o mal...

Pois, só por BEM a gente é capaz
De evitar uma guerra,
Por isso vem, vamos fazer,
A nossa parte aqui na terra.
.
Antes que o desvario nos possua,
Eu lanço este desafio
Não importa a qual a opção
A vida sempre continua...

Abra agora o seu coração
E me dá a sua mão, seja capaz
De mãos dadas comigo,
Caminhar por esta estrada
Como dois fieis companheiros e amigos.

Por que o tempo quem faz é a gente
E se a gente é quem faz o tempo
Plantamos entre a gente no solo do tempo
Tão somente a semente do amor e da PAZ!

O Poeta das Estrelas!

2 comentários:

Dilná disse...

Olá, poeta

Antes de falar qualquer coisa, gostaria de parabenizá-lo pelo Blog, muito bem feito e de muito bom gosto.

Muito sutíl e bela, a forma como fala dos sentimentos que são iguais para todos, reagimos todos da mesma maneira, sonhamos os mesmos sonhos... isso nos faz tão iguais ... e então ...

a ..."Opção" pelo BEM, não há de ter nenhuma outra melhor.

... gostoso te ler

maria disse...

muito lindo seus poemas, gostei muito........